Todecara.Com
“Zag, onde há fumaça, há fogo!”
Clique para Ampliar a Imagem
Clique para Ampliar a Imagem
"Zag, onde há fumaça, há fogo!"
Ministério da Cultura, Sotreq, Somov, Soimpex e Grupo Komedi levam esta peça gratuitamente para escolas do Rio de Janeiro, Bahia, Maranhão e Amazonas.
Com o objetivo de levar arte, conscientização e entretenimento, o Grupo Komedi desenvolveu o projeto "Zag, onde há fumaça, já fogo!", um espetáculo infanto-juvenil que mescla o universo lúdico da criança com questões sobre a preservação do meio ambiente. Patrocinado pelas empresas Sotreq, Somov e Soimpex através da Lei Rouanet – MinC, o espetáculo realizará apresentações gratuitas em diversas escolas públicas de todo país. Inicialmente o projeto será apresentado no Rio de Janeiro e Macaé (RJ), Catu (BA), São Luís (MA) e Manaus (AM).
A peça traz à cena a lúdica história do extraterrestre Zag, um sujeito pequeno e verde, que vive feliz e sorridente, sempre pronto para fazer amizades. Ele vem do planeta Zig-Zag, onde todos vivem muito, e apesar de ter 370 anos, não passa de um menino. Por estar nos primeiros anos da escola, ele aproveita suas férias para viajar com sua nave espacial e conhecer novos planetas. Dessa vez, sua mãe pediu que ele viesse para a Terra, para conhecer nossos hábitos e costumes. Quando Zag estava se aproximando da Terra para fazer a aterrizagem, foi surpreendido por uma enorme nuvem cinza de fumaça e sua nave acabou entrando pela janela da casa de dona Miranda e de sua filha Marina. Imagine o susto delas!
Dona Miranda, muito influenciada pelos filmes de perigosos ET´s, já foi pegar uma vassoura para atacar o pobre do Zag. Mas Marina, bem mais tranquila, tentou falar com ele, e logo notou que Zag era bonzinho. Zag explicou que só estava visitando a Terra e comentou que uma nuvem de fumaça tinha feito sua nave cair. Marina explica que a fumaça é resultado das queimadas, e que isso acontecia sempre naquela região. Zag fica triste com a notícia, pois em seu planeta, mais evoluído, não existem mais queimadas.
Evento
FICHA TÉCNICA:
Direitos Autorais: Sérgio Vale
Coordenação Geral: Sérgio Vale
Produtora Executiva: Fabiana Arthur Rodrigues
Assistente de Produção: Maísa Pessoa
Diretor: Adriano Veríssimo
Elenco: Luh Quintans, Glaura Lacerda, Charlene Chagas, Marcio Delucca
SERVIÇO
Data: 06 de Junho de 2016
Sessões: 9:00 e 11:00
Local: CIEP Leonel de Moura Brizola- Av. Brasil, 8666 - Ramos, Rio de Janeiro (RJ).
Data: 07 de Junho de 2016
Sessões: 10:00 e 14:00
Local: EMEI Professora Esméria Pereira Reid- Rua 15, Engenho da Praia, Macaé (RJ).
Data: 08 de Junho de 2016
Sessões: 10:00 e 14:00
Local: Escola Pública Municipal Em Onilda Maria da Costa- Rua 15, 2º bloco, Engenho da Praia, Macaé (RJ).
Data: 09 de Junho de 2016
Sessões: 9:00 e 14:00
Local: E.M Paulo Freire- Rua W5, Lagomar, Macaé (RJ).
Data: 13 de Junho de 2016
Sessões: 10:00 e 14:00
Local: Casa Cultural de Catu- Praça Duque de Caxias, Catu (BA).
Data: 14 de Junho de 2016
Sessões: 10:00 e 14:00
Local: Casa Cultural de Catu- Praça Duque de Caxias, Catu (BA).
Data: 15 de Junho de 2016
Sessões: 10:00 e 14:00
Local: Casa Cultural de Catu- Praça Duque de Caxias, Catu (BA).
Data: 20 de Junho de 2016
Sessões: 10:00 e 14:00
Local: Escola UEB Zuleide Andrade- Estrada do Maracujá nº 13, Maracaná- São Luís (MA).
Data: 21 de Junho de 2016
Sessões: 10:00 e 14:00
Local: Escola UEB Mario Pereira- Rua do Ribeirão nº 5, Vila Sarney , Maracanãmorett, São Luís (MA).
Data: 24 de Junho de 2016
Sessões: 10:00 e 14:00
Local: Escola Municipal Escritor Érico Veríssimo- Rua 239, n°1- Cidade Nova, Manaus (AM).
Data: 27 de Junho de 2016
Sessões: 10:00 e 14:00
Local: Escola Municipal Alberico Antunes de Oliveira- Rua 11, n°9 9, Manaus (AM).

Em "Zag, onde há fumaça, há fogo!", o público escolar de 5 a 10 anos vai se encantar com uma trama muito divertida, repleta de música e situações engraçadas, vivendo momentos mágicos com o extraterrestre Zag e sua amiguinha Marina. A peça aborda temas como as queimadas e o desequilíbrio e danos no ecossistema de forma leve e divertida, mostrando aos pequenos os cuidados que devemos ter com as queimadas e com as torres de energia, os prejuízos e problemas causados em consequência disso, o cuidado que devemos ter com o meio ambiente.
Importante citar que o projeto se realiza com o apoio do Ministério da Cultura, através da Lei Rouanet, e conta com patrocínio das empresas SOTREQ, SOMOV e SOIMPEX.